Depois de agradecer o apoio dos fãs pela internet, Camila Pitanga concedeu uma entrevista exclusiva para falar sobre a tragédia que vivenciou recentemente.

Visivelmente abalada, a atriz detalhou aoFantástico os últimos momentos de vida de Domingos Montagner, que morreu afogado após um mergulho no rio São Francisco, na divisa entre Sergipe e Alagoas, na última quinta-feira, dia 15.

Segundo a atriz, os dois escolheram nadar em um local que parecia calmo e não tinha nenhuma sinalização de perigo. O motorista que os levou até o lugar chegou a questionar se não era melhor perguntar em um quiosque próximo se ali era uma área segura para banho, mas os atores preferiram não fazer alarde.

Logo depois que mergulharam, Camila notou algo estranho e chamou o colega para se agarrar a uma pedra. “Não sou heroína, nada disso. Eu não tinha noção do que estava acontecendo”, disse.

A artista contou que só percebeu a gravidade da situação quando Domingos submergiu pela segunda vez e não voltou mais. “Ele aparentava estar paralisado. Em nenhum momento ele me pegou, me agarrou. Ele sabia o que estava acontecendo e me deu a oportunidade de viver”, lembrou emocionada. “Ele só dizia: ‘eu não estou conseguindo’. Vi o último olhar dele e percebi que ele não queria ir. Estava cheio de vida, cheio de projetos, com uma família linda que eu tive a oportunidade de conhecer e que me acolheu de uma forma incrível”, relatou.

Para Camila, ela nasceu de novo. “É uma segunda chance de poder estar com a filha, com a minha família e os meus amigos, e eu vou honrar isso”.

Na novela Velho Chico, a morte do personagem Santo está descartada. A presença do ator continuará sendo sentida pelo público através de uma câmera que estará no lugar onde ele estaria, como se o equipamento fosse o olhar de Domingos.

Essa não foi a primeira perda na trama. Em abril, Umberto Magnani morreu após sofrer um Acidente Vascular Cerebral (AVC) enquanto dava vida ao padre Romão. Fonte: Portal da Band

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here