Sargento da PM é morto a tiros quando chegava em casa

176

O sargento Francisco Marinho, da Polícia Militar, foi assassinado a tiros na madrugada desta segunda-feira (11) quando chegava em casa, no município de Queimadas, no Agreste paraibano, a 145 quilômetros de João Pessoa.

Em entrevista à TV Correio, o coronel Almeida Martins, comandante do Policiamento Regional em Campina Grande, informou que o policial trabalhou durante a noite desse domingo (10) e início desta madrugada fazendo a segurança da população no Parque do Povo, em Campina Grande, e foi abordado pelos bandidos quando estava no portão de casa, em Queimadas.

“O sargento passou a noite e entrada da madrugada no Parque do Povo, dando segurança as pessoas. Quando ele ia chegando em casa os bandidos, que tinham furtado um veículo em Lagoa Seca o abordaram e atiraram. Eles (bandidos) já foram identificados. Nós vamos prendê-los e colocá-los onde devem estar. Lugar de bandido é para apodrecer nas grades”, afirmou o coronel.

A suspeita da polícia é de que os criminosos tenham tentado roubar o carro do sargento. Até a publicação desta matéria os suspeitos não haviam sido localizados e presos.