Três detentos conseguem fugir da Colônia Penal de Sousa durante apagão

133

Pelo menos três detentos da Colônia Penal de Sousa, no Sertão do Estado, conseguiram fugir da unidade na madrugada desta terça-feira (12) durante um apagão de energia elétrica. A polícia divulgou os nomes e as fotos dos fugitivos para ajudar nas buscas.

São considerados fugitivos Marcos Moreno da Silva e Waldemir Barbosa de Sales, de 30 anos, são de João Pessoa e Ricardo Gonçalves de Silva, de 28 anos, é natural de Marizópolis. De acordo com informações policiais, os fugitivos são de alta periculosidade.

A fuga teria acontecido por volta das 2h e os detentos podem ter usado uma “tereza”, que é uma corda feita com lençóis ou tecidos, para conseguir sair do local. Um dos vigias chegou a perceber uma movimentação estranha e acionou os policiais e agentes penitenciários, mas não foi possível deter os fugitivos, já que eles correram e se esconderam em um matagal.

Foram realizadas buscas durante a madrugada nas proximidades da unidade penitenciária, mas os detentos ainda não foram localizados.