O Vasco da Gama está na final da Copa São Paulo de Futebol Júnior. Após abrir 2 a 0 no tempo normal e levar o empate, o clube carioca levou a melhor na cobrança de pênaltis e acabou garantindo sua classificação à final na noite desta terça-feira, na Arena Barueri. O adversário será o São Paulo, que derrotou o Guarani.

O Vasco da Gama chega à final 20 anos depois de sua última decisão. Na ocasião, acabou derrotado para o Corinthians por 1 a 0. Curiosamente, o único título conquistado pelo clube carioca, em 1992, foi diante do São Paulo, nos pênaltis.

TREM BALA NA FRENTE!
Mesmo com todo apoio da torcida, o Corinthians sofreu um ‘apagão’ nos primeiros minutos da partida. O Vasco não deixou o adversário respirar e foi logo abrindo o placar aos nove minutos. Após a cobrança de escanteio, a bola foi desviada no meio da área e sobrou limpa para Tiago Reis. Ele pegou de primeira para mandar no fundo das redes.

O clube carioca aproveitou o bom momento para ampliar aos 17 minutos. Lucas Santos cruzou, a bola desviou e ficou com Miranda, que empurrou para o gol. A derrota parcial fez com que o Corinthians fizesse a primeira mudança aos 22. Rafinha entrou na vaga de Du.

Em vantagem, o Vasco tentou administrar o resultado, enquanto o Corinthians perdia chances uma atrás da outra, até que aos 45 minutos enfim conseguiu diminuir. Após bate e rebate dentro da área, Nathan soltou o pé para fazer o primeiro da equipe paulista.

FOI BUSCAR!
O Vasco começou o segundo tempo com o mesmo ímpeto e teve grande chance de fazer o terceiro. Aos seis minutos, João Pedro foi derrubado por Jordan e o árbitro assinalou pênalti. Lucas Santos foi para a cobrança, mas isolou.

O gol perdido custou caro ao time carioca. Três minutos depois da marcação, Rafael Bilu cruzou para dentro da área corintiana e Nathan mergulhou para deixar tudo igual na Arena Barueri.

O Vasco ainda tentou uma pressão nos minutos finais, mas viu a bola de Caio Lopes ficar na trave. Ulisses ainda teve a chance de marcar de letra, mas perdeu grande oportunidade de decidir o jogo, que acabou indo para os pênaltis.

PÊNALTIS
Nos pênaltis, Fabrício Oya abriu a série, mas Rafinha e João Celeri perderam na sequência. Lucas Santos e Miranda viraram, e Ulisses desperdiçou. Caetano e Mantuan deram uma sobrevida ao Corinthians, mas Laranjeira carimbou a classificação da equipe carioca.

Por Agência Futebol Interior

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui