O senador Magno Malta (PP-ES) relatou nesta terça-feira (8) em Plenário sua visita a cidades do seu estado, como Alegre, Cachoeiro de Itapemirim, Guaçuí, Ibitirama e Irupi. Malta foi a uma casa de recuperação de mulheres dependentes em drogas, ministrou palestra sobre violência no campo e se reuniu com diversas lideranças políticas e religiosas.

O senador disse ter conversado com a população sobre temas referentes à defesa da vida, dos direitos das crianças e da fé. Ao anunciar apoio ao pré-candidato do PSL à Presidência da República, Jair Bolsonaro, Magno Malta disse que a população deve ter direito a possuir arma de fogo, especialmente na zona rural.

— Ninguém está falando em arma de grosso calibre, ninguém está falando disso que o sujeito pode chegar ali e comprar dez armas. Ninguém está falando disso. Nós estamos falando é que um homem no campo hoje não pode viver desarmado. Veja aí o terror que o MST está fazendo — declarou o senador. Por Agência Senado

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui