Uma investigação realizada pela Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) revelou que Arildo de Vasconcelos Marques, vulgo “Cheira” ou “Borracheiro” é suspeito de ter matado Alexandre Batista da Silva, vulgo “Pio”, no dia 29 de maio de 2015. No dia do crime, aconteceu uma discussão entre suspeito e vítima.

Quando Alexandre decidiu ir embora, ele foi seguido por Arildo que estava em um veículo. De dentro do carro, o suspeito efetuou vários disparos de arma de fogo contra a vítima, a qual ainda correu, mas tombou na quadra de esportes, situada no Km 06, BR 226, Bom Pastor.

Arildo de Vasconcelos foi indiciado por homicídio duplamente qualificado. O suspeito está preso preventivamente por ser apontado como sendo o autor de crimes contra dois irmãos. Arildo de Vasconcelos teria assassinado Magno Lima de Almeida e tentado matar Marconi Lima de Almeida, no dia 03 de julho de 2016, no bairro Cidade da Esperança.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui