Durante meses, a Record se debruçou sobre estudos para a grade 2017. Por fim, na batalha contra o SBT, nada de novo no front – vale lembrar que o canal de Silvio Santos foi vice-líder na média anual de 2016, no Painel Nacional de Televisão. As únicas alterações dizem respeito ao reality show “Power Couple”, de volta em março, e um compacto do “Domingo Show”, de Geraldo Luís, às sextas.

O horário nobre seguirá com Marcelo Rezende e seu “Cidade Alerta”, entregando para as novelas. Na faixa das 19h30, a reprise de “A Escrava Isaura” e, para breve (conforme prometem as chamadas), a inédita “Belaventura”. Na sequência, 20h30, a bíblica “O Rico e Lázaro”, substituída por “O Apocalipse” no segundo semestre – esta última de Vivian de Oliveira, autora de “Os Dez Mandamentos”.

Dos folhetins para o “Jornal da Record” e do jornalístico para a linha de shows. Sem o pretendido segundo programa, Xuxa Meneghel permanece às segundas, com formatos inicialmente previstos para o programa que ganharia aos sábados. Roberto Justus comandará uma nova edição do “Power Couple” todas terças e quintas. E “Gugu” segue ocupando as quartas.

Aliás, Gugu Liberato só deve voltar ao Brasil na próxima semana, após comemorar o Ano Novo ao lado de familiares nos Estados Unidos. O apresentador assinará então seu novo acordo com a Record, já apalavrado, mas na dependência de alguns ajustes. E Geraldo Luiz, que recusou a oferta para um programa diário noturno, que deveria fazer frente ao “Programa do Ratinho”, entra toda sexta-feira, com reprises de seu dominical.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui