Os especiais de fim de ano da Globo exibidos de sexta-feira (21) até terça-feira (25) amargaram baixos índices de audiência. O destaque negativo ficou por conta de “Roberto Carlos: Muito Romântico”, na sexta. O tradicional programa natalino do Rei perdeu dez pontos, da edição passada para esta. “O Natal Perfeito”, exibido na segunda-feira (24), também se saiu mal – a reprise, na tarde de terça, quase “alcançou” a exibição original.

Apostando em um repertório mais romântico, e deixando de lado alguns de seus clássicos, Roberto Carlos anotou 21,2 pontos; foi a pior audiência do especial ao longo de seus 44 anos de história. Em 2017, o programa conquistou 31,2 pontos, melhor índice desde 2005. Na ocasião, o Rei “recebeu” 35,8 pontos de “O Outro Lado do Paraíso”; desta vez, foram 25,0 de “O Sétimo Guardião”.

Já “O Natal Perfeito”, com Bruno Cabrerizo, Caio Blat e Tainá Müller, registrou 11,7 pontos; na ocasião, “O Sétimo Guardião” atingiu apenas 16,2. Na terça, então reprisado após a “Sessão da Tarde”, o especial consolidou 10,4 de média. Ainda na segunda, logo após “O Natal Perfeito”, a animação “Operação Presente” bateu 10,9 pontos; na sequência, a “Missa do Galo”, ficou com 7,3. O “Cinema Especial”, na terça, se saiu melhor. Com o desenho “O Pequeno Príncipe”, a sessão emplacou 17,2 pontos.

Girando o seletor

A Record também não foi propriamente feliz neste fim de ano com suas atrações especiais. Na sexta, a “Super Tela Especial”, com “O Hobbit: Uma Jornada Inesperada” acumulou 5,5 pontos. O SBT se saiu melhor: “Que Fim Levou o Papai Noel?”, na “Tela de Sucessos”, fez 8,0 de média.

Na Record, segunda, o “Canta Comigo Especial” garantiu 7,3, enquanto o “Especial Victor e Léo” marcou 4,4; o “Conexão Repórter”, que seguiu os caminhos de “Jesus”, obteve 5,5. Já na terça, 5,8 pontos para “José do Egito – O Filme”, na Record; e 5,2 para o “Festival de Natal – Believe”, no SBT.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui