Haddad acredita na virada e pede para que o eleitor não seja guiado pelo ódio

0
24

Nesta sexta-feira (26), o candidato do PT à Presidência da República, Fernando Haddad, agradeceu, por meio do Twitter, “todos os brasileiros e brasileiras que estão nas ruas empenhados em fazer acontecer essa histórica virada!” Em um tom otimista, o presidenciável disse que no “domingo celebraremos juntos a vitória da democracia!”

Segundo ele, “o gás de cozinha tem que ser considerado item da cesta básica.” Por isso, ele pretende “remanejar o preço do botijão.”

Haddad também soltou ofensas ao candidato do PSL, Jair Bolsonaro. Segundo ele, Bolsonaro estimula as milícias, os capangas e as pessoas violentas a sairem do armário. No final do post, Haddad disse que o oponente é a expressão da violência.

O candidato petista disse que é “um professor que vive de salário, com 18 anos de serviços prestados ao Brasil” e estimulou os eleitores nas redes sociais a “virar essa eleição, corrigir os erros e retomar os acertos”. No final da mensagem, Haddad afirma que “o ódio não vai levar o Brasil a lugar nenhum.”

Reportagem, Cintia Moreira

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here