Foi preso na manhã desta terça-feira (19) o namorado da adolescente Maria Heloize Vale da Silva, de 14 anos, assassinada na noite da segunda (18) em João Câmara, distante pouco mais de 80 quilômetros de Natal.

A garota foi baleada na cabeça, amarrada com arame, teve o corpo enrolado em um lençol e depois foi jogada às margens da BR-406. Apesar de ser suspeito do crime, o rapaz acabou detido porque tem um mandado de prisão já expedido pela Justiça.

Maria Heloize completaria 15 anos na próxima terça-feira, dia 26. Segundo a mãe da garota, que trabalha como terceirizada na Delegacia de Polícia Civil da cidade, a filha morava na casa do namorado já há algum tempo. Logo que o corpo de Maria Heloize foi encontrado, policiais militares procuram por ele, mas não o acharam.

A prisão do suspeito aconteceu quando ele foi até a comunidade de Brejinho, onde a família preparava um local para velar o corpo da adolescente. Parentes o seguraram e chamara a PM, que o levaram à delegacia.

“Ele ainda vai ser ouvido sobre a morte da namorada. Mas, está detido porque constatamos que havia um mandado de prisão contra ele por causa de outro crime”, confirmou o delegado Joacir Lucena.

Ainda na noite da segunda (18), ao G1, o delegado regional Nivaldo Floripes havia dito que o namorado de Maria Heloize já era considerado suspeito do crime em razão de um histórico de violência. Porém, a PM ressaltou que existe uma outra linha de investigação, pois há informações de que a garota foi vítima de uma facção criminosa que queria, na verdade, matar o companheiro dela. Como ele não estava em casa, ela acabou sendo assassinada.

Familiares da adolescente que foram ao local onde o corpo foi jogado ainda disseram à PM que ela estava sendo ameaçada de morte.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here